BOEING tem interesse na Divisão Militar da EMBRAER

KC-390 em sua apresentação na LAAD 2017

 

Fontes próximas à negociação Boeing/Embraer informaram que o interesse da cia norte americana inclui todas as divisões da Embraer e não apenas a divisão de jatos comerciais, o que torna a negociação ainda mais sensível  politicamente.  A Força Aérea Brasileira e a Embraer tem parceria de longa data e a cia brasileira desenvolve projetos vitais para a FAB, projetos que envolvem a questão da soberania nacional.

O formato desejado pela Boeing  , ainda não fechado, não contempla a transferência do controle acionário mas sim, a parceria na aviação comercial, executiva e militar. São inclusive citados exemplos de parcerias da Boeing com instalações na Inglaterra e na Australia, gerando empregos e se submetendo ao controle governamental de dados sensíveis. A linha comercial dos E-jets e a aviação executiva são nichos ainda não explorados pela Boeing e consequentemente alvos de seu interesse.

Fonte : Folha e Infomoney

Nota do editor:

Na área militar, a Embraer desenvolve o Transporte KC-390,  dá suporte ao A-29 Super Tucano e ainda executou a modernização dos caças F-5 e  A-1.  Toda esta linha de produtos de defesa é feita atendendo as necessidades da FAB e posteriormente visando o mercado externo. Há também participação da empresa em projetos se segurança nacional voltados  para o atendimento ao Exercito e a Marinha. Durante a ultima LAAD  Defense & Security, no Riocentro, a Embraer anunciou algumas parcerias entre a sua divisão de segurança e empresas estrangeiras, procedimento cada vez mais comum no cenário mundial atual . A grande preocupação e o já anunciado veto do governo brasileiro se deve a este núcleo de tecnologia de segurança  da Embraer e a manutenção de seu sigilo.

 

 

TCU suspende autorização de vôos interestaduais na Pampulha.

Aeronave executiva Cessna 560 XL aterrissando na Pampulha.

 

O TCU ( Tribunal de Contas da União) suspendeu a portaria do Ministério dos Transportes que autorizou a reabertura de vôos interestaduais no Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte. A decisão não é definitiva, o plenário do Tribunal deverá analisar e dar a sua decisão. A ampliação dos vôos foi uma solicitação do PR, partido de Valdemar Costa Neto e que tem grande influência na Infraero.

A reclamação é grande dos controladores do aeroporto de Confins, os grupos CCR e a operadora do Aeroporto de Zurique. A reabertura da Pampulha não criará novos vôos e sim, esvaziará parcialmente o principal aeroporto de Minas Gerais. A acusação é de que o governo não está cumprindo o contrato e está também desorganizando o setor.

Por enquanto, Pampulha continuará somente com vôos regionais e da aviação executiva.

Fonte: Infomoney e Folha

 

Fundador da EMBRAER vê com bons olhos a possível fusão com a BOEING.

O  Eng Oziris Silva, fundador e ex-presidente da EMBRAER se mostrou favorável à possível fusão entre a BOEING e a cia brasileira. Segundo a assessoria de imprensa de Ozires o engenheiro disse que “Vejo com honra esse convite. Quando pensamos na Embraer, sabemos que uma gigante como a Boeing não ligava para a nossa expressão. Essa negociação é o reconhecimento do tamanho da empresa hoje e do que ela representa no mercado da aviação” Ainda sobre as especulações de que a empresa estaria em crise e a fusão seria sua salvação ele comentou que “De forma alguma isso deve ser visto como uma diminuição na expressão da empresa. A Embraer não vai deixar de brilhar por isso. A tendência é de crescimento. É por causa de seus ótimos resultados que isso veio. Eu vejo com bons olhos e estou honrado”.

Vale lembrar que recentemente a AIRBUS incorporou a linha de jatos regionais da BOMBARDIER, principal concorrente da empresa brasileira. Para o mercado , acionistas e analistas o negócio é extremamente oportuno para a EMBRAER, que teria seu valor de mercado mais que duplicado e passaria atuar com  o maior gigante da aviação mundial. O governo brasileiro e a Força Aérea vêem com apreensão a questão da segurança nacional, devido a produção do A-29 e o recente cargueiro KC-390, além da montagem futura dos caças Gripen.

Aguardemos os próximos capítulos.

Fonte:  G1 e infomoney

Ações da EMBRAER disparam após notícia de interesse da BOEING na aquisição da cia

As ações da EMBRAER dispararam na Bolsa de valores , atingindo uma alta de 27%, após rumores de que a BOEING compraria a empresa.  A notícia foi veiculada pelo Wall Street Journal, citando fontes familiarizadas com o assunto. A matéria cita que a EMBRAER é avaliada com um premio elevado em relação ao valor de mercado da empresa, que seria de US$ 3,7 bilhões . O negócio seria fantástico para a BOEING,  que incorporaria os jatos regionais  em seu portfólio, mas as conversas dependerâo de aprovação do governo brasileiro.

Fonte; Infomoney

Fumaça apresenta seu novo piloto número 7

Após voar por três anos como Ala Esquerda Externa, número 5, o Capitão Nilson Rafael Oliveira Gasparelo passou a ser o novo piloto da posição de número 7. Sua estreia como Isolado aconteceu na demonstração da Esquadrilha da Fumaça ocorrida em Guararapes, no interior de São Paulo, no último dia 2 de dezembro.


Muito feliz com a estreia, o Capitão Gasparelo afirmou: “quero agradecer a confiança de toda a equipe por ter me designado para ser o novo piloto número 7 da Fumaça. Espero honrar a posição com muita dedicação e segurança. Além de ser um grande orgulho poder continuar representando a Força Aérea Brasileira por onde a Fumaça passa”.


 

 

 

 

 

 

Fonte: Esquadrilha da Fumaça

 

.

Powered by WordPress | Designed by: Best SUV | Thanks to Toyota SUV, Ford SUV and Best Truck