BOEING tem interesse na Divisão Militar da EMBRAER

KC-390 em sua apresentação na LAAD 2017

 

Fontes próximas à negociação Boeing/Embraer informaram que o interesse da cia norte americana inclui todas as divisões da Embraer e não apenas a divisão de jatos comerciais, o que torna a negociação ainda mais sensível  politicamente.  A Força Aérea Brasileira e a Embraer tem parceria de longa data e a cia brasileira desenvolve projetos vitais para a FAB, projetos que envolvem a questão da soberania nacional.

O formato desejado pela Boeing  , ainda não fechado, não contempla a transferência do controle acionário mas sim, a parceria na aviação comercial, executiva e militar. São inclusive citados exemplos de parcerias da Boeing com instalações na Inglaterra e na Australia, gerando empregos e se submetendo ao controle governamental de dados sensíveis. A linha comercial dos E-jets e a aviação executiva são nichos ainda não explorados pela Boeing e consequentemente alvos de seu interesse.

Fonte : Folha e Infomoney

Nota do editor:

Na área militar, a Embraer desenvolve o Transporte KC-390,  dá suporte ao A-29 Super Tucano e ainda executou a modernização dos caças F-5 e  A-1.  Toda esta linha de produtos de defesa é feita atendendo as necessidades da FAB e posteriormente visando o mercado externo. Há também participação da empresa em projetos se segurança nacional voltados  para o atendimento ao Exercito e a Marinha. Durante a ultima LAAD  Defense & Security, no Riocentro, a Embraer anunciou algumas parcerias entre a sua divisão de segurança e empresas estrangeiras, procedimento cada vez mais comum no cenário mundial atual . A grande preocupação e o já anunciado veto do governo brasileiro se deve a este núcleo de tecnologia de segurança  da Embraer e a manutenção de seu sigilo.

 

 

Responses are currently closed, but you can trackback from your own site.

Comments are closed.

Powered by WordPress | Designed by: Best SUV | Thanks to Toyota SUV, Ford SUV and Best Truck